Judeus Sefarditas Espanha

O Conselho de Ministros conferiu sinal verde ao projeto de lei que permitir? aos descendentes de judeus expulsos da Espanha solicitar a cidadania espanhola.

Referido projeto dever? passar pelo Congresso e Senado. A revis?o pela qual o projeto original passou prev? algumas mudan?as em rela??o ao documento anterior.

Dentre essas est? relacionada com os procedimentos processuais onde o interessado, mesmo que inicie seu processo no seu pa?s de origem, dever?, em tempo certo, deslocar-se para a Espanha onde apresentar? os documentos requeridos a um tabeli?o.

Este ter? a responsabilidade de validar toda a documenta??o.

Dentre as respectivas valida??es destacam-se a origem comprovada do sobrenome Sefardita, dom?nio do ladino (idioma falado pelos judeus espanh?is) e outras provas do v?nculo do interessado com a Espanha.

Espera-se tamb?m a necessidade de comprovar conhecimento da lingua espanhola atrav?s de exame aplicado por entidade creditada pelo governo.

PROYECTO DE LEY EN MATERIA DE CONCESI?N DE LA NACIONALIDAD ESPA?OLA A LOS SEFARD?ES ORIGINARIOS DE ESPA?A QUE JUSTIFIQUEN TAL CONDICI?N Y SU ESPECIAL VINCULACI?N CON ESPA?A,

POR LA QUE SE MODIFICA EL ART?CULO 23 DEL C?DIGO CIVIL Y SE ESTABLECE UNA TASA PARA DETERMINADOS PROCEDIMIENTOS DE ADQUISICI?N DE LA NACIONALIDAD ESPA?OLA.

Associa??es judaicas aguardam aprova??o pelo Parlamento espanhol do projeto de lei que lhes permitir? obter a nacionalidade espanhola, atrav?s da altera??o do C?digo Civil que o referido governo aprovou sexta-feira ?07 de fevereiro de 2014.

HIST?RIA

Em 1492 o Decreto de Alhambra, ou ?dito de Granada, promulgado pelos Reis Cat?licos Fernando e Isabel for?ado a expuls?o de todos os judeus que n?o se converteram ao catolicismo aceitar.

Estima- se que mais de 200.000 pessoas podem ser contempladas.

Os judeus fugiram das persegui??es que lhes foram movidas na pen?nsula ib?rica na inquisi??o espanhola (1478 – 1834), dirigindo-se a v?rios outros territ?rios.

Uma grande parte fugiu para o norte de ?frica, onde viveram durante s?culos.

Milhares se refugiaram no novo mundo, principalmente Brasil e M?xico, onde nos dias atuais concentram milhares de descendentes dos judeus conhecidos como Marrano.

Os sefarditas s?o divididos hoje em Ocidentais e Orientais. Os Ocidentais s?o os chamados ”judeus da na??o portuguesa”, enquanto os orientais s?o os sefardim que viveram no Imp?rio Otomano.

Com o advento do sionismo e particularmente ap?s a crise israeli-?rabe de 1967 muitos dos judeus vivendo em pa?ses ?rabes foram viver em Israel.

NOTA IMPORTANTE: A leitura desta informa??o n?o dispensa a consulta ? legisla??o aplic?vel.